Segunda, 22 de Julho de 2024
75998557038
Alagoinhas BAND CIDADES

Prêmio Band Cidades Excelentes 2024: Alagoinhas fica entre as três cidades com melhor infraestrutura e mobilidade urbana na Bahia

A solenidade de premiação dos vencedores ocorreu na noite desta quarta-feira (05), na sede daUnião dos Municípios da Bahia, em Salvador.

06/06/2024 21h31 Atualizada há 2 meses
Por: Redação Fonte: Prefeitura de Alagoinhas - BA
Foto: Reprodução/Prefeitura de Alagoinhas - BA
Foto: Reprodução/Prefeitura de Alagoinhas - BA

Alagoinhas conquistou a terceira colocação entre as cidades com mais de 100 mil habitantes na categoria Infraestrutura e Mobilidade Urbana do Prêmio Band Cidades Excelentes 2024, que se propõe a reconhecer evalorizar boas práticas de gestão pública para transformar a realidade dos municípios em todo o país. 

O prefeito Joaquim Neto recebeu com grande satisfação a premiação e celebrou a excelente posição de Alagoinhas dentre os 417 municípios baianos: “Esse é um grande reconhecimento para nossa cidade. Sabemos que a avaliação é rigorosa e ter alcançado essa posição com dados coletados desde nosso primeiro mandato é motivo de grande satisfação. O setor de infraestrutura, repleto de desafios, sempre obteve total atenção da gestão municipal e foi também um setor em que tivemos notáveisavanços, com a realização de grandes obras na cidade. Parabéns a Alagoinhas!” O prefeito esteve acompanhado da deputada estadual e primeira-dama de Alagoinhas, Ludmilla Fiscina.

O prêmio Cidades Excelentes é uma parceria entre a rede Bandeirantes de Televisão e o Instituto Aquila. Utilizando inteligência artificial,a avaliação é feita com a coleta de diversos dados disponíveis nas plataformas oficiais, como os portais de transparência, que são compilados em indicadores que fazem o ranking dos municípios.

Além da categoria em que Alagoinhas foi umas das vencedores, os municípios foram premiados nas categoriasGovernança, Eficiência Fiscal e Transparência,Educação,Saúde e Bem Estar,Sustentabilidade e Desenvolvimento Socioeconômico e Ordem Pública.

Fotos: Thamires Almeida