Segunda, 14 de Junho de 2021
75998557038
20°

Pancada de chuva

Alagoinhas - BA

ALAGOINHAS TRANSPORTE PÚBLICO

Alagoinhas: empresa que assumirá lote 2 de forma emergencial rodará com apenas 10 ônibus e Zona Rural pode ficar de fora

Com isso, grande parte dos rodoviários devem continuar desempregados e há o risco de algumas linhas não serem atendidas, ou serem atendidas de forma precária.

10/06/2021 20h41
Por: Rodrigo Rattes Fonte: Redação e News Infoco
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A esperança de um digno transporte público está longe da realidade para a população da cidade de Alagoinhas.

Isso se dá pela informação publicada pelo site News Infoco nesta quinta-feira (10), onde afirma que a nova empresa que assumirá de forma emergencial o lote 2 das linhas urbanas, rodará apenas com 10 ônibus, ou seja, 19 a menos do que deveriam rodar. Com isso, grande parte dos rodoviários devem continuar desempregados e há o risco de algumas linhas não serem atendidas, ou serem atendidas de forma precária. 

Outro ponto agravante é que mesmo com a chegada da Avanço, existe uma chance da Zona Rural não ser contemplada. Apesar de emergencialmente a SMTT ter liberado a atuação de transporte alternativo e ônibus avulso, populares tem se queixado dos permissionários não aceitarem as gratuidades, nem os passes. Ou paga a passagem em dinheiro, ou então os moradores destas localidades continuam sem ter direito ao transporte público. 

Toda essa situação só demonstra uma coisa: o problema não é a atuação das empresas e sim o sistema, que não se remunera. A conta feita hoje pelos empresários do setor é: quanto menos ônibus rodarem, menor será o prejuízo. O caso da frota reduzida da empresa Avanço é exemplo dessa assertiva. 

E assim a crise no transporte público vai se acentuando e o povo sofrendo sem grandes perspectivas de mudanças. 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.